Acoso.Online: Tecnologias para resistir à pornografia não consensual

Organizacion: Acoso Online
Tipo de Organización: Sociedade Civil
Año: 2018
Tipo de proyecto: Escalamento
Países: Chile

Acoso.Online é o primeiro site da América Latina voltado para vítimas de pornografia não consensual, que fornece orientações diretas sobre como lidar com as plataformas, os desafios legais, judiciais, organizacionais e de segurança relacionados a esse tipo de violência contra as mulheres e as pessoas LGBTQI.

Em junho de 2017, lançou o primeiro site da América Latina voltado para vítimas de pornografia não consensual na Internet, oferecendo recomendações baseadas em 5 aspectos que cruzam política, sociedade e tecnologia, com forte ênfase feminista em sua abordagem.

A iniciativa é baseada em um aplicativo da web que oferece uma estratégia de segurança digital para prevenir e reduzir ataques cibernéticos e manter as informações enviadas pelo site seguras. Focada nas usuárias finais (vítimas), a ferramenta visa não apenas fornecer apoio, mas também persuadi-las a não abandonar espaços de realização de direitos humanos, sociais e culturais, como a Internet.

A proposta de escalamento consiste em aprofundar o componente tecnológico do site e do projeto em geral para alcançar mais vítimas com mais eficiência na América Latina e o Caribe. Especificamente, propõe-se:

  1. A construção de novas ferramentas técnicas que reconheçam as necessidades de comunicação pessoal e confidencial das vítimas. Prevê-se o desenho e a programação de um chatbot criptografado, em parceria com especialistas do coletivo La Robota, para fornecer orientação por meio de várias plataformas, incluído o site de Acoso.Online. O mesmo irá permitir comunicação um a um em espanhol e português, mediante um formato visual, inteligente e interativo.
  2. A análise e exploração de ferramentas para facilitar o reporte de imagens e vídeos em plataformas e ferramentas de hashing em conjunto com outras organizações da indústria tecnológica.