Subsídios FRIDA

Os Subsídios FRIDA concedem apoio financeiro para iniciativas inovadoras que procuram explorar estratégias para promover o acesso à Internet e o uso de tecnologias para impulsionar o desenvolvimento social e econômico da região.

Os subsídios destinam-se a apoiar o teste de ideias e projetos em seus estágios iniciais de desenvolvimento. Se a sua iniciativa já está em andamento, convidamos você a considerar os Prêmios e Escalamentos.

Os projetos apresentados devem estar em conformidade com as seguintes características:

  • Componente tecnológico: Em todos os casos, os projetos devem ter um componente tecnológico com o qual eles tenham procurado responder a um problema social.
  • Inovação: As soluções propostas devem ser inovadoras, isto é, apresentar novas estratégias, conceitos, ideias, metodologias e processos que respondam às necessidades sociais e fortaleçam às comunidades que procuram atender.
  • Impacto social: As soluções propostas devem procurar gerar valor social e demonstrar como abordarão as necessidades de comunidades específicas.

Cada subsídio será de US$20.000. Os projetos selecionados vão ter 12 meses para a implementação das atividades.

Chamada 2019: Tecnologias e Gênero

A lacuna de gênero na tecnologia continua sendo um desafio na América Latina e o Caribe. Em 2019, o Programa FRIDA outorgará um subsídio de US$ 20.000 para implementar uma solução inovadora focada na promoção da equidade de gênero e na liderança das mulheres na área das tecnologias e da indústria da Internet. Saiba mais sobre esta categoria temática clicando aqui.

Serão priorizadas as iniciativas que trabalhem em torno a:

  • O desenvolvimento de habilidades digitais entre mulheres e meninas (codificação, gestão de redes e segurança, IPv6, Big Data, Robótica, Internet das Coisas, Inteligência Artificial, Computação na Nuvem, entre outras);
  • A participação das mulheres nos mercados digitais e seu acesso a trabalhos em tecnologia;
  • A aplicação de estratégias para defender os direitos digitais, maior segurança e inclusão de mulheres e meninas online;
  • O envolvimento das mulheres na implementação da infraestrutura da Internet para promover o acesso e adoção da Internet.

Os projetos deverão estar liderados por uma mulher, e serão priorizadas candidaturas de equipes de trabalho formadas em sua maioria por mulheres.

Como candidatar e datas importantes

Os projetos deverão ser apresentados na plataforma de candidaturas de FRIDA clicando aqui: https://programafrida.net/pt-br/plataforma-de-candidaturas-frida. Nota: As propostas serão recebidas até o dia 15 de maio às 23:59h (UTC-3), horário do Uruguai.

A chamada 2019 estará dividida em duas etapas. Na primeira etapa, os candidatos apenas deverão apresentar um resumo de seu projeto usando a plataforma de candidaturas de FRIDA. Somente os projetos que fiquem pré-selecionados vão passar para a segunda etapa em que será solicitada a apresentação de uma proposta mais detalhada. Os membros do comitê de seleção encarregado da avaliação dos projetos em 2019 serão Carolina Aguerre e Carlos Rey Moreno.

  • Abertura da chamada: segunda-feira 1 de abril de 2019.
  • Prazo para apresentação de resumos: quarta-feira 15 de maio de 2019 até as 23:59h (UTC-3).
  • Anúncio de projetos pré-selecionados: segunda-feira 10 de junho de 2019.
  • Apresentação de proposta detalhada dos projetos pré-selecionados: segunda-feira 10 de junho a sexta-feira 28 de junho de 2019
  • Anúncio dos resultados: segunda-feira 5 de agosto de 2019.

Recomenda-se ler as perguntas frequentes antes de candidatar. Se tiver alguma dúvida, pode consultar pelo endereço: frida@lacnic.net.